Segunda aula de Tai Chi de 2009

Posted: Segunda-feira, Janeiro 12, 2009 in Crónicas, Para Rir
Tags: ,

taichichuan

Atenção se ali estiver escrito naqueles caracteres “Pato à Pequim” não me responsabilizo.

Para mim o Tai Chi tem sido uma aventura, ainda mais alguém como eu que tem o lado imaginativo bem mais à frente que o lado racional e lógico.

Misturar as duas realidades, se é que assim se pode chamar, faz a delicia dos colegas que se riem à molhada! E tudo porquê!?

Aqui fica o registo da segunda aula de Tai Chi do ano, e também onde peço ao professor que tenha paciência com a minha veia indisciplinada, mas é a minha natureza.

Tudo começou quando o Sr. Professor Carvalhosa (o modo de tratamento é o preferêncial do Sr. Professor, se houver mais algum título não tenha modéstia em dizê-lo) nos informou que irimos ter uma aula de Chi Kong, que segundo uma pesquisa na Internet – bem haja a este meio de informação que nos faz parecer mais inteligentes, e sem o qual não seria possivel escrever este post – “Chi Kong (pronuncia-se Chi Kung) é uma Arte Marcial chinesa milenar que ensina a desenvolver a energia que existe potencialmente dentro de nós. Esta energia os chineses chamam de Chi, então basicamente esta energia se manifesta em nosso corpo, nossa mente, irradiando para a nossa vitalidade. Quando o chi extingue-se morremos.”

Ora e assim começou mais uma das aulas mais confusas que tive até hoje. A cadeira de cibernética é bem mais fácil!

De pernas ao longo dos ombros, um pouco flectidas e de mãos no dantian ou seja, segundo a Wikipédia “Dantian ou Tan tien (pinyin: Dāntián ; Japonês: Tanden 丹田; Coreano: 단전 DanJeon 丹田; Tailandês Dantian ตันเถียน ; Inglês: One-point) é um têrmo de origem chinesa relacionado às práticas de meditação, medicina tradicional e artes marciais orientais. A palavra Japonesa hara (腹; Chinês: ), que literalmente significa “barriga” é por vezes usada como um sinônimo.”

Até aqui nada de novo… entretanto o Sr. Professor Carvalhosa decide começar a falar num autêntico chinês, para mim.

Em que as únicas palavras que conseguia reconhecer algum sentido era respirar e levar o ar. Preocupante não!? Pois para mim é realmente preocupante quando temos que levar o ar a sitios que desconhecemos na totalidade.

Começou por pedir que levassemos o ar ao dantian superior, que segundo a Wikipédia ” Dan Tian superior (na altura do Terceiro olho), ligado à consciência, ou “shen”, e à mente”, o que eu naquela altura não sabia. Como era maravilhoso ter um PDA no bolso para poder consultar estes dicionários online. Se soubesse de tal definição tinha logo excluído qualquer relação ao terceiro olho da gíria… pois levar o ar limpo e expulsar o ar sujo do terceiro olho não me parecia nada bem… pelo menos não cheiraria nada bem.

Depois era suposto levar e trazer ar (limpo e sujo) para o plexo solar… QUÊ!? “Plexo solar, também conhecido como plexo celíaco, é um agrupamento autônomo de células nervosas no corpo humano localizado atrás do estômago e embaixo do diafragma perto do tronco celíaco na cavidade abdominal. O plexo solar consiste em duas glândulas, chamadas glândulas celíacas, e uma rede de nervos ligando-as. O plexo solar também é considerado pelo Hinduísmo como um ponto de energia chamado Manipura Chakra.” e o “Dan Tian médio (na região do Plexo Solar), relacionado à respiração e à saúde dos orgãos internos.”

Oh meu deus… confesso que não foi isso que ouvi… Qualquer coisa solar em que o meu conhecimento me remeteu para o painel solar que me levou para o cucuruto ou cimo da cabeça, o nosso Polo Norte. Estão a imaginar-me a tentar levar e trazer ar do crânio… pois nem eu!

Enquanto andava neste arejamento todo a única coisa que tentava que não saltasse cá para fora era uma valente gargalhada, pois acho que não caia muito bem.

Quando chegamos ao dantian inferior, segundo a mesma Wikipédia “o Dan Tian inferior (na altura do abdomen, como descrito acima) é associado à energia física, e por vezes à sexualidade.” Já estava eu a levar e a trazer ar para o dedo gordo do pé, que na verdade estava gelado.  Já me preocupava se realmente tanto ar por todo o corpo não seria, dias depois, motivo para uma constipação valente.

É claro que não poderia deixar acabar a aula sem perceber o que realmente estavamos ali a falar. Fiquei mais esclarecida depois no jantar quando os amáveis colegas entre gargalhadas explicavam o que realmente era todo aquele trabalho de concentração que se transformou num verdadeiro furação dentro do meu corpo.

Como me tinha dado jeito prêver esta situação e poder me antecipar a vergonha de dizer no final da aula, que não tinha percebido nada até à parte de mexer os bracinhos.

Enfim… as minhas vergonhas e o meu sentido de oportunidade. Também gostava de poder sair do meu corpo nestes momentos e ver a minha reacção às palavras, que não possuiam qualquer tipo de sentido para mim!

É o meu Quotidiano!

Ana Coelho

294ui5

Comentários
  1. maria jose diz:

    cara ana,

    para mim foi uma “delicia” ouvir-te durante a aula e jantar, foi de chorar a rir!

    Apesar de já andar nestas andanças do taichi há já alguns anos e estar habituada à linguagem, concordo contigo, para nós ocidentais, pouco ligados a maneiras de estar na vida mais espirituais, é um conceito que pode ser um pouco difícil de interiorizar, mas uma vez que se consiga aquietar a mente macaco (esta expressão é um dos exemplos usados, a ideia é concentras-te apenas no teu corpo e na respiração) os benefícios são muitos, tais como, um corpo mais flexível e sem tensões musculares, a mente pacificada e uma energia fantástica!
    diverte-te!
    xxx

  2. amiga diz:

    Cara “copincha” de aventura com tai Chi.

    Agradeço do fundo do coração as explicações… Pois estava agora mesmo p/ fazer essas pesquisas à procura do q é o quê qdo falam em tai Chi e Chi Kung (q nem isso pronuncio bem!)…
    Também eu sou noviça nisto mas ainda tenho esperança de, pelo menos acertar algum passo e fazê-lo ao mesmo tempo q o meu mestre… um dia (P/ já ainda só repito algum tempo depois)!
    Vou p/ a 2ª aula.
    Boas práticas p/ si!
    L.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s